Nigeriano suspeito de aliciar mulheres para o tráfico internacional de drogas é preso em Itaquaquecetuba

Um nigeriano de 37 anos foi preso por suspeita de tráfico internacional de drogas, em Itaquaquecetuba, nesta terça-feira (12). Segundo a Polícia Militar, ele era procurado pela Polícia Federal depois que mulheres foram presas com drogas no corpo no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Outro suspeito de participar do mesmo esquema foi preso em 28 de janeiro na mesma cidade.

De acordo com as informações divulgadas pela PM com base na PF, o homem fazia o aliciamento de mulheres de diversas nacionalidades para serem feitas de mulas de tráfico, levando cocaína para países como Etiópia e África do Sul.

Ainda segundo a PM, os agentes da Polícia Federal foram até o imóvel do suspeito, na Rua Sete Lagoas, na Vila Virgínia, onde foram encontrados cerca de 3 quilos de cocaína. No entanto ninguém foi preso.

Na manhã desta terça-feira (12), a PM recebeu a informação de que o suspeito estaria no imóvel onde a droga foi encontrada. No local, a equipe encontrou Paul Chekwube Nwufoh prestes a fugir, segundo a polícia.

O suspeito foi detido e apresentado na Delegacia da Polícia Federal no Aeroporto de Guarulhos, onde ficou a disposição da PF.

Outra prisão

No dia 28 de janeiro, a polícia prendeu outro suspeito de participar do esquema de tráfico internacional de drogas. Ele estava em um imóvel na Avenida Vereador João Fernandes da Silva, também em Itaquaquecetuba.

No cômodo alugado por Ikenna Ozoh, a polícia divulgou ter encontrado porções de cocaína e no interior de um forno, 172 cápsulas da mesma droga, além de 3,2 mil nairas nigerianas em notas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.