Sessão ordinária da Câmara de Suzano será na segunda (18)

A Câmara de Suzano alterou para segunda-feira (18), a partir das 18 horas, a sessão ordinária que seria realizada na quarta-feira (13), dia em que ocorreu a morte de estudantes e funcionários da Escola Estadual “Raul Brasil” e deixou outras pessoas feridas. Na data, a presidente da Casa de Leis, Gerice Lione (PR), a esposa do Prefeito da Academia, decretou luto oficial por três dias no Legislativo.

Permanecem na pauta da sessão duas moções. A primeira é uma moção de repúdio de autoria do vereador Lisandro Frederico (PSD), destinada à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Segundo o vereador, a Anatel não tem cumprido seu papel de garantir que as operadoras de telefonia prestem um bom serviço. “É difícil encontrar um cliente que não tenha sérias reclamações da operadora de telefonia que utiliza. Infelizmente, tamanha insatisfação não tem sido combatida pelo órgão responsável e apenas se torna mera estatística”, afirma ele na justificativa da propositura.

A segunda moção de apelo é de autoria da vereadora Gerice Lione (PR), dirigida ao ministro da Economia, Paulo Guedes. No documento, a parlamentar pede que o ministro reestude a metodologia do cálculo de repasse do Benefício da Prestação Continuada (BPC), que garante um salário mínimo mensal à pessoa com deficiência e ao idoso com 65 anos ou mais de baixa renda.

Também deve ser votado, em regime de urgência, projeto de lei complementar que autoriza o Executivo a isentar do pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) às famílias de residências atingidas por enchente a partir do dia 10 de março de 2019.

A sessão será realizada no Plenário do Palácio “José de Souza Candido” (rua Três Poderes, 65, Jardim Paulista).

Foto: Ricardo Bittner

Deixe uma resposta