A Marinha do Brasil localizou uma embarcação com as mesmas características do pesqueiro “O Del Mar II”, que naufragou no fim de fevereiro a 35 quilômetros de Itanhaém, no litoral de São Paulo. O barco foi encontrado a aproximadamente 40 metros de profundidade, perto da Ilha da Queimada Grande, a ‘Ilha das Cobras’, onde quatro pescadores foram resgatados. Dois homens continuam desaparecidos. As buscas já foram encerradas.

No dia 13 de março, a Marinha deslocou o navio “Sirius” (NHi Sirirus), que realizava levantamento hidrográfico da Barra de Paranaguá (PR), para a região próxima da ilha. Agora, o navio localizou um objeto com características que correspondiam à embarcação. “O local foi sinalizado com boias e a Estação Costeira Santos Rádio, também informada, permanece em constante divulgação do local demarcado para os navegantes da região”, afirma, em nota.

De acordo com a Marinha, os familiares e o proprietário do barco foram imediatamente informados sobre a localização. Segundo o órgão, a probabilidade de encontrar algum sobrevivente diminui após um mês, por isso, as buscas – que começaram no dia 28 de fevereiro – foram suspensas.

A retirada do barco custará aproximadamente R$ 1,5 milhão e, segundo a empresa responsável, é inviável fazer a retirada devido aos riscos ao meio ambiente e aos próprios mergulhadores. A empresa informou que, antes de o barco ser localizado, foram enviadas duas equipes de mergulhadores ao local.

Deixe uma resposta