Grupo Giralua Teatro estreará espetáculo infantojuvenil inédito, online, sobre a mitologia nórdica

0
129
Grupo Giralua Teatro estreará espetáculo infantojuvenil inédito, online, sobre a mitologia nórdica

Montagem teatral traz a história dos deuses e habitantes que convivem entre geleiras e vulcões

De 20 a 25 de abril, sempre às 11h, o grupo Giralua Teatro, de Bertioga, traz para o Youtube a temporada do espetáculo infantojuvenil “Os Navegadores de Skidbladnir”, com seis apresentações divididas em seis partes com diferentes histórias sobre deuses e habitantes da terra onde os vulcões e geleiras vivem lado a lado. A montagem, com acesso livre no canal da Giralua no Youtube, é melhor indicada para crianças de 10 anos.

A peça também apresentará uma playlist dos seis episódios, com tradução na linguagem brasileira dos sinais – Libras. O espetáculo conta com a realização do Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura e Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa através do Edital Proac Expresso LAB 38/2020, Produção e Temporada de Espetáculo Infantojuvenil com Apresentação Online.

“Os Navegadores de Skidbladnir” traz uma preciosa memória guardada na oralidade do povo nórdico e nas canções de seus bardos, recontada nesta montagem pela atriz Val de Castro e o ator e cenógrafo Alessandro Brandão, com a captação das imagens e edição do filmaker Sóllon Rodrigues. A cenografia foi criada especialmente para privilegiar a estética e formato da transmissão online, com as gravações da peça sendo realizadas na sede do grupo teatral em Bertioga.

Sinopse

Os personagens narradores Lif e Lifhrasir, “vida” e “vontade perseverante de viver”, foram os únicos que escaparam da destruição de Ragnarokk e contam em seis partes a saga da memória dos antigos deuses Aesir.

“Um mundo de deuses e de homens ligados por um arco-íris e uma árvore que liga o céu e o mais profundo da terra. Quando o cristianismo atingiu o Norte, os deuses Aesir foram quase esquecidos na maioria dos lugares onde haviam sido adorados, restou fragmentos do folclore e alguns dias da semana que receberam seus nomes. Terça é o nome de Tyr, o antigo deus da espada; quarta é o dia de Odin; quinta é o de Thor e sexta é o de Freya, deusa do amor”, conta Val de Castro.

Na antiga Islândia, onde os vulcões e as geleiras ficam lado a lado, a memória dos antigos Aesir foi mantida viva por muito tempo na oralidade e por último escrita em dois livros: o Edda Poético e o Edda em Prosa escrito por Snorri Sturluson, por volta de 1200. “A partir destes dois livros islandeses, do folclore, sabemos hoje como os antigos nórdicos pensavam sobre seus ancestrais, sua criação, crescimento e fim”, completa a atriz da Giralua Teatro.

A partir dos deuses Aesir e dos gigantes devoradores, muitas histórias serão narradas, muitas aventuras e desventuras, como Odin adquiriu seus poderes, como Thor conseguiu o seu martelo e sobre um dia que o mesmo foi roubado, como surgiu o navio Skindbladnir, sobre a Iggdrasil e a ponte Bifrost. Na mitologia nórdica, Bifrost é a ponte de arco-íris que estabelece a ligação entre o domínio dos deuses, Asgard o céu e Midgard a Terra, o território dos mortais.

Agenda da temporada online

20 de abril / 11h

Parte 1

Os primeiros Deuses e Gigantes

No princípio era o Caos, não havia céu, nem lua, nem estrelas, bichos ou pessoas. Só existia o grande abismo Ginnungagap, e foi do encontro do fogo e do gelo que surgiram os primeiros seres, um gigante e uma vaca sem chifres. A partir daí nascem devoradores, duendes, deuses e até humanos!

 

21 de abril /11h

Parte 2

Yggdrasil, a árvore do Mundo

Entre Asgard o céu e Midgard a Terra, cresce a Árvore do mundo, Yggdrasil. As Norns, senhoras do presente, do passado e do futuro, regam as raízes todas as manhãs e, enquanto a árvore viver, durará o mundo dos deuses. 

 

22 de abril/11h

Parte 3

Odin, o pai de todos os seres

Odin tornou-se o maior dos deuses em Asgard, senhor da sabedoria e conselheiro dos homens em Midgard. Mas, para estas conquistas, da sabedoria, do poder e da magia, foi preciso que Odin fizesse alianças, perdas e sacrifícios.

 

23 de abril/ 11h

Parte 4

Thor, o deus do trovão

Thor é o mais forte entre os deuses e o mais adorado entre os povos da terra do gelo. Uma aposta de Loki lhe deu seu martelo Mjolnir, sua principal arma com a qual produzia raios e lutava com duendes e devoradores.

 

24 de abril / 11h

Parte 5

Loki, o trapaceiro

Loki, em um pacto, tornou-se irmão de sangue de Odin. Loki, um devorador de muita importância na história dos deuses Aesir, por suas trapaças significativas, cômicas e cruéis em inúmeras aventuras dentre os deuses nórdicos.

 

25 de abril / 11h

Parte 6

Pós Ragnarök

Ragnarök foi uma lamentável destruição em uma terrível batalha de deuses e gigantes. Mas, um novo mundo ressurgiu e foi repovoado por um casal de humanos que sobreviveu se alimentando com o orvalho da manhã.

Serviço:

Temporada do Espetáculo Os Navegadores de Skidbladnir no canal Giralua Teatro no You Tube (http://bit.ly/yt-giralua) de 20 a 25 de abil de 2021, sempre às 11h. Gratuito. Toda a programação poderá ser acessada no site da companhia www.giraluateatro.com.