O vereador Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho, fez solicitações de ações de manutenção e zeladoria em diversos bairros nos primeiros 100 dias do seu segundo mandato na Câmara de Suzano. Neste período, o parlamentar apresentou 79 proposituras, sendo 70 requerimentos, oito indicações e uma moção.

Entre os requerimentos apresentados por Leandrinho, está o que pediu, em fevereiro, serviço de tapa-buraco na rua Expedito Duranda Nogueira, no Miguel Badra. “As péssimas condições da via dificultam a circulação de veículos e pedestres no local, além de ocasionar transtorno aos moradores, já que os carros invadem as calçadas para desviar dos buracos”, explicou.

O vereador também solicitou em fevereiro, por meio de requerimento, que a Prefeitura acione a Companhia de Saneamento Básica do Estado de São Paulo (Sabesp) para que realize a manutenção asfáltica na avenida Roberto Simonsen, no Jardim Imperador. “No local, houve o afundamento do solo em decorrência da manutenção da rede de esgoto e o problema vem crescendo”, afirmou.

Em janeiro, Leandrinho também pediu o realinhamento de paralelos na avenida Paulista, no Jardim Monte Cristo. “Fui procurado por diversos munícipes que reclamaram do estado precário da via por falta de manutenção. Os buracos estavam virando crateras”, revelou. Ele também solicitou o nivelamento e cascalhamento da rua Deputado José de Souza Candido, no Jardim Gardênia.

Outras solicitações de Leandrinho ao Executivo foram a limpeza e capinação na viela entre as ruas Bandeirantes e Pindorama e na área pública localizada na avenida Atlântica, ambas no Jardim Revista. Ele também pediu a canalização do córrego da rua Rene Ventura Salles, no Jardim Colorado e a implantação de placas toponímicas nas ruas do Jardim Nova América, já que os moradores do local têm as entregas de mercadorias prejudicadas pela falta de identificação das vias.

Segurança e saúde

 

Na área da segurança, o parlamentar solicitou a ampliação de rondas da Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar no bairro da Casa Branca, “tendo em vista o alto índice de criminalidade e a situação de vulnerabilidade social dos moradores da região”. Na área da Saúde, o vereador pediu ao prefeito Rodrigo Ashiuchi (PL) informações sobre a falta de medicamentos de uso contínuo de doenças como hipertensão e cardiovasculares nas unidades de saúde. “Isso vem prejudicando a saúde dos usuários que precisam de medicação contínua e não têm condições financeiras de comprar os remédios.”