Câmara de Suzano presta homenagem para os mais de 504 mil mortos pela Covid no Brasil

0
156
  • https://www.viassd.com/power-banks?product_id=366472

A Câmara de Suzano aprovou na sessão ordinária de hoje (23) um requerimento de pesar para os mais de 504 mil mortos pela Covid-19 no Brasil. O autor da propositura é o vereador Marcio Alexandre de Souza (PL), o Marcio Malt.

 

Em seu discurso na Tribuna, o vereador não poupou críticas ao presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (sem partido). “Tudo isso (mais de 504 mil mortes) é consequência de um desgoverno que temos no nosso país: um governo que acreditava e ainda acredita na imunidade de rebanho e não na ciência, que não tem amor ao próximo. Tudo isso é muito triste”, ressaltou.

 

Ainda sobre o coronavírus, a vacinação na cidade foi extremamente elogiada pelos vereadores. O parlamentar Artur Takayama (PL), que é autor da moção de aplauso que foi aprovada hoje destinada a servidores da Saúde, parabenizou o secretário de Saúde (Pedro Ishi) e o prefeito de Suzano (Rodrigo Ashiuchi) pelo trabalho desenvolvido.

 

O vereador Antonio Rafael Morgado (PDT), o professor Toninho Morgado, disse estar “feliz por fazer parte de uma cidade que se tornou destaque em São Paulo pela iniciativa”. O parlamentar estava se referindo a ação da administração municipal, “Virada da Vacina” realizada na semana passada, de 35 horas interruptas de vacinação na Arena Suzano, no Parque Municipal Max Feffer.

 

O vereador Joaquim Rosa (PL) elogiou a iniciativa. Ele ressaltou a organização da equipe envolvida. E um aparte, a parlamentar Gerice Lione (PL), a esposa do Prefeito da Academia, também parabenizou o Executivo. A mesma coisa foi feita pelo vereador Marcos Antonio dos Santos (PTB), o Maizena. “Fomos (cidade de Suzano) um exemplo para o Alto Tietê”, argumentou.

 

  • https://www.viassd.com/smartphones?product_id=366281

Deixe uma resposta