Vereador Leandrinho apresenta balanço parlamentar do 1º semestre

0
133
Em cumprimento ao decreto da pandemia que proíbe aglomerações, a Guarda Civil Municipal (GCM) de Ferraz de Vasconcelos aplicou 5 autuações no fim de semana. Em todos os casos foram aplicadas multas. A Prefeitura alerta a população que a cidade está atenta à fiscalização e as denúncias podem ser feitas pelos telefones 153, 4677-3112 ou 4679-4334. Duas autuações foram aplicadas na quinta-feira (8). Uma delas foi numa tabacaria no Jardim Lourdes onde houve reincidência do descumprimento da lei. No bairro Vila Ana Maria, a aglomeração foi utilizando a rua. No sábado (10), foram outras três ocorrências, sendo uma no Jardim Malda, na Vila Correa e Vila Cristina. A Prefeitura de Ferraz reforça que está na fase de transição do Plano São Paulo até 31 de julho e, mesmo com a flexibilização de alguns setores, as aglomerações ainda estão proibidas. O comandante da GCM, Cléverson Ramos, ressalta a importância da fiscalização. “Essas ações são deflagradas por meio de denúncia e o objetivo é manter a ordem, evitando aglomerações, a perturbação do sossego e evitar qualquer tipo de infração que pode ocasionar problema para a comunidade local”, afirmou Ramos. Ainda no fim de semana, uma denúncia levou a GCM a localizar um acampamento e impedir uma invasão de área no Jardim Mercedes. “A Guarda Municipal já vem de maneira incisiva combatendo essas invasões de forma permanente na cidade. Diversas vezes houve movimentos, geralmente vindo de outras cidades, para ocupar áreas em Ferraz e a GCM de pronto monta operação para a retirada imediata dessas pessoas na área que não lhes pertence. Nós não vamos tolerar este tipo de ação em nossa cidade”, reforçou o comandante.
  • https://www.viassd.com/power-banks?product_id=366472

O presidente da Câmara de Suzano, Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho, divulgou um balanço da sua atuação parlamentar no primeiro semestre de 2021. Em seu segundo mandato, o vereador apresentou, de janeiro a junho de 2021, 147 requerimentos, oito indicações, cinco moções e um projeto de lei.

Entre os requerimentos apresentados por Leandrinho no período está o que solicitou a realização e antecipação do Programa de Recuperação Fiscal (Refis) 2021 no município devido à pandemia do novo coronavírus. O projeto foi aprovado na sessão ordinária de 7 de julho. “Assim, quem tem dívida pode se organizar e pagar nesta recuperação fiscal”, disse. “Esse pedido vem ao encontro dos anseios dos comerciantes, que solicitam para nós vereadores que o Refis tenha início o mais breve possível”, afirmou.

O parlamentar também foi o autor de dois requerimentos ao Executivo solicitando a implementação de auxílio emergencial, um destinado às famílias de baixa renda e outro, aos comerciantes e prestadores de serviços da cidade. “Houve um aumento significativo de indivíduos e famílias em situação de vulnerabilidade social e/ou em situação de insegurança alimentar pelos reflexos da pandemia. Portanto, há a necessidade prestar apoio imediato ao público mais vulnerável e impactado em nossa cidade. No caso do comércio, o município deve amparar os empreendedores a fim de evitar maiores prejuízos, como demissões em massa”, justificou.

O déficit de ginecologistas para atendimento nas unidades básicas de Suzano também foi cobrado pelo presidente da Casa de Leis durante audiência pública da Secretaria de Saúde, realizada no final de maio. Leandrinho pediu que o Legislativo tenha acesso às informações sobre onde os médicos atuam. “A demanda que chega aos vereadores é de que não se consegue marcar ginecologista em Suzano”, declarou.

O vereador ainda conquistou, em maio, uma emenda parlamentar de R$ 150 mil para a aquisição de uma ambulância para a cidade, enviada pelo deputado estadual André do Prado (PL), vice-presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp).

 

Gestão

Eleito presidente da Câmara de Suzano para o biênio 2021-2022, Leandrinho avalia que o Legislativo tem atuado de forma bastante produtiva mesmo com as restrições do novo coronavírus. “Junto com meus pares, tenho buscado contribuir da melhor forma para atender às necessidades do município em reduzir os impactos da pandemia”, disse. Ele ressalta entre os projetos aprovados no período os que garantiram o remanejamento de cerca de R$ 50 milhões do Executivo, boa parte deste valor destinada à área da Saúde, para atender às necessidades causadas pelo novo coronavírus.

Na atual gestão de Leandrinho, a Câmara também avançou em ferramentas online para aumentar a transparência e facilitar a participação do público. Desde o início do ano, está disponível uma aplicação para participação online dos cidadãos em audiências públicas, pelo link audienciasonline.camarasuzano.sp.gov.br. Por meio dela, os cidadãos podem enviar perguntas para serem feitas durante as audiências e consultar a agenda das próximas ou o conteúdo do que já foi discutido. “Muitas perguntas feitas em audiências foram enviadas por munícipes por meio da ferramenta, o que mostra que o sistema funciona”, afirmou.

A Casa de Leis também lançou, no primeiro semestre, um informativo online semanal, com as principais notícias da Casa de Leis enviadas por e-mail. Para receber a newsletter, os cidadãos se cadastram no portal oficial da Casa de Leis (www.camarasuzano.sp.gov.br). Também colocou no ar, em junho, o e-book “Japão Suzano: os 25 vereadores que representam a história política desta união”. O material em formato digital está disponível no endereço http://www.camarasuzano.sp.gov.br/downloads/japao.pdf.

Dando continuidade às ações de economia aos cofres públicos do município, Leandrinho entregou em fevereiro um veículo do Legislativo à Prefeitura. Em seu mandato anterior como presidente da Câmara, em 2018, ele já havia feito a entrega de outros 19 carros da frota para diminuir despesas, além de ter reduzido o número de assessores parlamentares de cinco para quatro. Atualmente, o Legislativo tem apenas um veículo disponível, para uso exclusivo dos setores administrativos.

Frente Legislativa Intermunicipal

Leandrinho tem participado das reuniões da Frente Legislativa Intermunicipal, que reúne os vereadores das câmaras dos municípios do Alto Tietê. A Casa de Leis suzanense sediou em maio um dos encontros dos parlamentares, que têm discutido e buscado apoios para avançar em questões de interesse regional.

  • https://www.viassd.com/smartphones?product_id=366281

Deixe uma resposta