Doria suspende home office de funcionários públicos no estado de SP

0
263
© Shutterstock

Os servidores devem retornar ao trabalho presencial, com exceção daqueles que fazem parte do grupo de risco e só precisarão voltar após a imunização completa

  • https://www.viassd.com/power-banks?product_id=366472

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), decidiu acabar com o home office na administração pública do estado, após mais de um ano do teletrabalho, adotado no início da pandemia do novo coronavírus.

 

Os servidores devem retornar ao trabalho presencial, com exceção daqueles que fazem parte do grupo de risco e só precisarão voltar após a imunização completa. As secretarias foram informadas na última quarta-feira (7) pela Coordenadoria de Recursos Humanos, e cada órgão deve definir como e quando será o retorno.

Alguns departamentos já começaram a organizar a volta. A Secretaria de Justiça e Cidadania retorna nesta quarta (14). Os servidores que usam transporte público poderão ter tolerância de 30 minutos na hora de entrar e sair para evitar o rush.

A Secretaria de Educação já havia decidido pelo retorno na última quinta (8). Segundo a pasta, a decisão levou em conta o avanço da vacinação entre os profissionais da educação básica, que tem cerca de 800 mil com a imunização em andamento e 280 mil, já finalizada.

  • https://www.viassd.com/smartphones?product_id=366281

Deixe uma resposta