Ferraz de Vasconcelos foi escolhida para desenvolver um projeto piloto do governo federal criado pela Secretaria Nacional da Família. Com o nome “Famílias Fortes” o objetivo da ação é o bem-estar dos integrantes a partir do fortalecimento de seus vínculos e do desenvolvimento de habilidades parentais e sociais. Ele será gerenciado pela Secretaria de Cultura e Turismo. Esse projeto será lançado neste sábado (11), às 10 horas, na Estação Cultura e Cidadania, localizada na Rua Francisco Sperândio, 700, na Cidade Kemel. Na metodologia constam sete encontros semanais para famílias com filhos entre 10 e 14 anos. Na primeira hora de cada encontro os pais ou responsáveis se reúnem em uma sala e os filhos em outra. Os pais são ensinados a esclarecer as expectativas com base nas normas de desenvolvimento de crianças e adolescentes, a usar práticas disciplinares apropriadas, a gerenciar emoções fortes em relação aos filhos e a se comunicar de maneira eficaz. Já os filhos aprendem habilidades para interação pessoal e social, como, ter metas que deem sentido à vida, seguir regras, reconhecer as dificuldades e qualidades dos pais, lidar com a pressão dos amigos, saber identificar modelos positivos e ajudar os outros. Na segunda hora, pais e filhos se reúnem e praticam as habilidades que aprenderam independentemente, trabalham na comunicação e resolução de conflitos e se envolvem em atividades para aumentar a coesão familiar e o envolvimento positivo dos filhos na família. Para a condução dos encontros, os facilitadores dispõem de um manual, que detalha todas as atividades e o tempo de cada uma, e de vídeos que abordam os temas a serem trabalhados com as famílias.

0
33

          A Prefeitura de Ferraz de Vasconcelos, por iniciativa da Secretaria de Cultura e Turismo, promoveu a conclusão e formatura do curso livre de Auxiliar de Creche e Berçário, para os respectivos participantes. A solenidade aconteceu no anfiteatro da Estação de Cidadania e Cultura, na Cidade Kemel.

            O curso foi fomentado em parceria com o Instituto Educação, Cultura e Arte (ECAC), pela professora voluntária Telma Aparecida para quinze alunos que perfizeram uma carga horária de 60 horas/aula. Esta é a segunda turma formada nesta gestão.

            A prefeita Priscila Gambale, acompanhada pelos seus secretários municipais, participou da solenidade e demonstrou bastante emoção com os formandos. “Como educadora, estou imensamente emocionada e feliz por esta conquista no dia de hoje. O estudo é fundamental para a formação intelectual e capacita para o mercado de trabalho. Parabéns a todos que perseveraram e almejaram este momento”, disse a chefe do executivo.

            Na ocasião, estiveram presentes os secretários Jackson Carlos e Rosemeire Crossi, de Governo e Cultura, respectivamente. Também participaram do evento a presidente do Fundo Social de Solidariedade, Cida Gambale, o presidente da ECAC, José Lopes, e Marcos Antônio da Silva, gestor da Estação Cidadania e Cultura.

Deixe uma resposta