Faraó dos bitcoins: STJ nega liberdade a ex-garçom acusado de comandar pirâmide

0
39

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) negou, na tarde desta terça-feira, um novo pedido de liberdade feito pela defesa do ex-garçom Glaidson Acácio dos Santos , de 38 anos, conhecido como ‘Faraó dos bitcoins’. O ex-garçom, dono da GAS Consultoria, que prometia lucros exorbitantes mediante investimentos em criptomoedas, foi preso pela Polícia Federal (PF) sob a acusação de comandar um esquema de pirâmide financeira.

Essa é a terceira derrota do suposto investidor na Justiça. No STJ, o habeas corpus oi analisado pelo desembargador convocado Jesuíno Aparecido Rissato – que substitui o ministro Felix Fischer, em licença médica por 90 dias – na 5ª Turma do tribunal. O magistrado considerou que o pedido não deve seguir tramitando, já que não existe ilegalidade na investigação ou na prisão.

Deixe uma resposta