Festival de Capoeira reúne mais de 15 academias em Guarujá

0
80

Evento que recebeu o nome do precursor da capoeira em Guarujá, Mestre Sombra, contou com premiação para as melhores performances

Com o objetivo de preservar as tradições locais e fomentar a cultura foi realizado no último domingo (3) o I Festival Integração Mestre Sombra, em Guarujá. Mais de 15 academias de capoeira participaram do encontro na Associação de Capoeira Grupo Senzala (Rua Antônio Monteiro da Cruz, 508 – Jd. Monteiro da Cruz- Vicente de Carvalho).

O evento que recebeu o nome do precursor da capoeira em Guarujá, Mestre Sombra, contou com premiação para as melhores performances. Na primeira colocação ficou a Associação de Capoeira Caravela Negra, seguida pela Associação de Capoeira Um Toque a Mais (2º lugar) e Associação Cultural Capoeira Roda Grande (3º lugar).

A iniciativa foi organizada pela Secretaria de Comunicação e Relações Sociais (Seres), por meio da Assessoria de Políticas Públicas da Igualdade Étnica, Racial e Direitos Humanos; Comissão Frente Capoeira Guarujá, Conselho  Municipal da Comunidade Negra; Associação de Capoeira Grupo Senzala e Associação Cultural de Capoeira Roda Grande.

Frente de Capoeira

A capoeira foi declarada patrimônio imaterial pela Organização das Nações Unidas, em 2014, para a educação, ciência e cultura. Considerando a sua importância, no mês passado, a Prefeitura de Guarujá instituiu a Comissão Municipal “Frente de Capoeira do Guarujá”.

A comissão tem caráter consultivo e visa analisar e propor ações para o fortalecimento e fomento da prática da capoeira na Cidade. Ela é composta por 20 membros, sendo 10 do governo e 10 da sociedade civil organizada.

História

A capoeira em Guarujá tem suas primeiras manifestações no início de 1950. Um grupo de capoeiristas, intitulado: “Bahia do Berimbau”, se reunia em Vicente de Carvalho, tendo como seus primeiros mestres – Olívio Bispo dos Santos (Mestre Bispo), Benedito dos Santos (Mestre Dito), Mauricio de Oliveira Santos (Mestre Bahia do Charuto), posteriormente se uniu a eles, Roberto Teles de Oliveira (Mestre Sombra).

Mestre Sombra, reconhecido nacionalmente, fundou a primeira academia de capoeira da Cidade, localizada na Rua Oliveira (atual Joana de Menezes Faro) e abriu as portas para outros grupos e eventos.

Deixe uma resposta