GUARDA CIVIL DE MAIRIPORÃ FARÁ TREINAMENTO DE MOTOPATRULHAMENTO

0
77

Capacitação contará com aulas teóricas e técnicas para as equipes de ronda motorizada

Com o lema ‘Capacitar para melhor servir’ é que a Guarda Civil Municipal de Mairiporã oferecerá o curso de aperfeiçoamento profissional policial, com técnicas de dirigibilidade e maneabilidades para policiais de grupamentos motorizados da cidade. A preparação tem a finalidade de capacitar os guardas para o exercício de competências profissionais operacionais no patrulhamento feito pelas equipes de motocicletas.

O curso será presencial, com aulas teóricas e práticas, na cidade vizinha Atibaia, nos dias 7, 8, 9 e 10 de novembro, sob a direção do diretor de formação e ensino Ricardo Neves e coordenação geral do instrutor Rocam (Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas), professor D. A. Brito.

“Buscamos a melhoria nos processos de intervenção policial, para que possamos proporcionar às equipes de patrulhamento de moto melhores condições de operar sob diversas circunstâncias em seu cotidiano de trabalho. Essas técnicas proporcionarão condutas, posturas, estratégias, manejos e demais técnicas aplicáveis, envolvendo aspectos teóricos e práticos que envolvem metodologicamente a atuação sobre a motocicleta no cotidiano das GCM”, destacou a comandante da GCM de Mairiporã.

Durante os dias de aulas, os alunos terão alguns módulos de aprendizagem com disciplinas voltadas para a manutenção de 1º escalão, limpeza da motocicleta, posicionamento de pilotagem, exercícios de slalon (ziguezague) e pista, deslocamento para locais de ocorrências, escolta motociclística – ‘batedor’, abordagens policiais de suspeitos a pé, em veículos ou motocicletas, treinamento em pista off road e tiro embarcado.

Cada GCM deverá comparecer com a motocicleta de trabalho para melhor ambientação e conhecimento dos limites do equipamento, equipados com capacete, Carteira Nacional de Habilitação, Cinturão Operacional ou Tático, Luvas, Colete balístico, revólver ou pistola, 3 carregadores de pistola, protetor auricular, 30 munições de acordo com o armamento usado, calça tipo tática ou similar, camisa de manga longa e protetor solar, ficando facultativo o uso de joelheiras, cotoveleiras e outros equipamentos.

Deixe uma resposta