Megatemplo localizado em Santo Amaro, zona sul, vale R$ 33 milhões segundo a Justiça. Dinheiro será usado para quitar dívida da igreja

São Paulo – A Justiça autorizou o leilão de um templo da Igreja Mundial do Poder de Deus que fica em Santo Amaro, na zona Sul de São Paulo, após a igreja não pagar uma dívida de R$ 409 mil.

O “megatemplo” foi inaugurado em 2014 no Largo do Socorro por Valdemiro Santiago, fundador da igreja, e tem dimensões expressivas: abriga 20 mil pessoas, tem 300 banheiros e mil vagas de estacionamento.

Agora, a unidade será leiloada após o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) negar um recurso da igreja que questionava o valor do imóvel calculado por peritos. Segundo a Justiça, ele vale R$ 33,4 milhões – a Mundial argumentou que deveria valer R$ 259 milhões.

Controle de pragas

A decisão foi tomada no âmbito de um processo movido pela Guima-Conseco Construção, Serviços e Comércio, que foi contratada em 2017 para cuidar da limpeza e controle de pragas de algumas unidades da Igreja Mundial, incluindo a unidade de Santo Amaro. Porém, em 2019 a igreja deixou de pagar parcelas de pagamento do serviço contratado, e a empresa acionou a Justiça.

As partes chegaram a fazer um acordo para o pagamento, mas, novamente, a Igreja Mundial deixou de pagar o que devia. Por isso, foi determinado o leilão do templo para que o valor seja usado para a quitação da dívida. O leilão será realizado em 10 de maio.

A Igreja Mundial está em crise financeira desde 2019, e é alvo de centenas de ações na Justiça comum e do Trabalho por não pagar dívidas e não cumprir acordos trabalhistas.

Fonte Metrópoles

  • Clique e Leia

Deixe uma resposta