A Secretaria de Educação de Itaquaquecetuba promoveu um ciclo de formação aos profissionais da rede municipal de ensino e o encerramento teve como tema “a força da persistência” conduzida pelo filósofo, escritor e professor Mario Sergio Cortella.

O prefeito Eduardo Boigues, a primeira-dama Mila Prates Queroz e a secretária de Educação, Maria Cristina Perpetuo, estiveram presentes. “Estamos realizando o sonho de possibilitar ferramentas para alavancar os índices e entregar uma educação pública de qualidade. Itaquá merece”, destacou Maria Cristina.

Cortella falou sobre inclusão e a necessidade de nos adaptarmos às diferentes realidades. Citou exemplos de humildade, esforço, coragem, sabedoria e evolução usando como embasamento obras dos escritores João Guimarães Rosa e Clarice Lispector, assim como do cantor e compositor Gonzaguinha.

“Não basta dizer que a ‘a vida devia ser melhor’, é preciso assumir um compromisso para que ela seja. ‘A vida devia ser melhor e será’ nos coloca na rota da persistência, na percepção do ‘ainda dá’. Gostoso imaginar que ‘a vida devia ser melhor e será’ com o nosso trabalho”, disse.

Ele reforçou que os profissionais da Educação precisam achar “veredas” no “grande sertão”, ter coragem e discernimento para se rodear de pessoas experientes que mesmo com todo o conhecimento que possuem, optam por continuar se reinventando.

“A educação é encantada pelo Cortella, tivemos cerca de 1,1 mil servidores marcando presença e foi um momento importante para a nossa cidade, com ensinamentos que vamos levar para a vida”, finalizou o prefeito.

Fotos: Janaína de Oliveira Reis

Deixe uma resposta