Novo equipamento teve investimento total de R$ 3,6 milhões.

O flutuante Dersa III já opera a travessia entre Cananeia e Ilha Comprida, no litoral de São Paulo. A um investimento de R$ 3,6 milhões, a estrutura foi entregue na segunda-feira (21) pela Secretaria Estadual de Logística e Transporte.

Feito em aço carbono, o flutuante tem 31 metros de comprimento, 10,4 m de largura e pesa 98 toneladas. Segundo o Departamento Hidroviário (DH), por dia, fazem a travessia entre os municípios: 343 veículos, 167 ciclistas, 794 pedestres e 83 motociclistas.

De acordo com a Secretaria Estadual de Logística e Transporte, as melhorias nas travessias visam garantir uma operação mais efetiva durante a Operação Verão, quando o movimento em algumas regiões aumenta em até 40%.

As reformas nas balsas, por exemplo, são necessárias para que elas possam prestar serviço com o Certificado de Segurança Naval (CSN) em dia. O documento é uma exigência da Marinha do Brasil, com foco na segurança total do sistema.

Deixe uma resposta