Durante o evento, Rodrigo Ashiuchi teve a companhia de outros prefeitos do Alto Tietê que participam de congresso na capital Havana

Em seu primeiro dia da agenda oficial na cidade de Havana, em Cuba, nesta segunda-feira (23/01), onde participa do IX Encontro Internacional de Cultura, Comunicação, Marketing e Comunidade, com o apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), o prefeito Rodrigo Ashiuchi se reuniu com o diretor de Município de Cultura de Plaza, que integra a capital cubana, Harold Vergara Padron.

O encontro ainda contou com as presenças do diretor municipal de Transportes e Logística de Havana, Felix Antonio Perez Remirez, do prefeito de Mogi das Cruzes e presidente do Consórcio de Desenvolvimentos dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), Caio Cunha, e dos prefeitos de Guarulhos, Gustavo Henric, o Guti; de Ferraz de Vasconcelos, Priscila Gambale; e de Salesópolis, Vanderlon Gomes.

Durante a reunião foi apresentado um projeto para converter o município de Plaza em um Patrimônio Mundial da Unesco. O local, que tem 72 mil metros quadrados e é a maior praça de Cuba, e uma das maiores do mundo, era um dos pontos mais utilizados por políticos para realização de seus discursos.

“Estive reunido, junto com os demais prefeitos, com o diretor de Cultura e o diretor de Transporte e Logística que apresentou o projeto para tornar a praça um patrimônio mundial. Pude perceber todo o carinho e respeito que eles têm por este lugar, que traz muito simbolismo para todos os cubanos, em especial para aqueles que moram em Havana, e toda dedicação que eles estão mostrando para que esse projeto se torne realidade”, afirmou Ashiuchi. Mais tarde, o prefeito visitou a Universidade de Havana, instituição com mais de 250 anos de história e que tem o selo de Patrimônio Mundial da Unesco.

A visita oficial segue nesta terça-feira, quando o prefeito participa, das 9h40 às 11h40, hora local (11h40 às 13h40, horário de Brasília), do painel “Futuras Ciudades Mil de Unesco en América Latina, Caribe y el mundo”, momento em que ele irá expor as experiência de sucesso da educação municipal de Suzano, como o avanço da alfabetização após o período mais crítico da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a aquisição de chromebooks para a criação de laboratórios nas escolas, as conquistas junto às plataformas digitais, como Matific e Google For Education, e a ampliação da parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) para a oferta de bolsas de pós-graduação e MBA aos colaboradores da pasta. A apresentação será acompanhada dos demais prefeitos que integram o Condemat em visita oficial a Cuba.

Além do apoio da Unesco, o congresso é realizado pelo Centro de Estudos de Avaliação e Mensuração em Comunicação e Marketing (CEACOM) da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade de São Paulo (USP), pela Faculdade de Comunicação (FCOM) da Universidade de Havana (UH) e pelo Ministério da Cultura de Cuba, e conta com o apoio da Unesco, do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e da União de Escritores e Artistas de Cuba (Uneac).

Crédito das fotos: Mara Flores/Condemat

Deixe uma resposta