Ações foram realizadas neste final de semana, nos bairros Jardim Obelisco, Vila Amélia e Jardim Itamaraty

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Poá realizou diversas ações neste último final de semana (20 a 22/01), como a prisão de dois homens por tráfico de drogas e apreensão de entorpecentes, nos bairros Jardim Obelisco e Vila Amélia. Houve também a recuperação de um automóvel, no Jardim América, na sexta-feira (20/01) e um outro veículo foi retomado, no Jardim Itamaraty, no sábado (21/01), juntamente com a notificação de um estabelecimento, no Jardim Obelisco, por perturbação do sossego.

Sobre a apreensão de entorpecentes, no bairro Jardim Obelisco, de acordo com o comandante da GCM, José Ferreira de Souza, uma equipe realizava patrulhamento preventivo na noite desta última sexta-feira (20/01), quando identificou um indivíduo que ao perceber a presença dos agentes saiu rapidamente do local.

“Devido à fuga repentina, a equipe decidiu realizar uma abordagem seguida de uma busca pessoal. Na pochete que o homem portava, foi encontrada uma pequena quantia de entorpecentes e valores em espécie, porém, o indivíduo confessou a prática de tráfico de drogas, sinalizando onde mais porções estavam localizadas. Ao todo, foram encontrados 44 invólucros de cocaína, 91 invólucros de maconha, 46 invólucros de crack e a quantia de R$ 65”, afirma o comandante da GCM, José Ferreira de Souza.

Diante dos fatos, o homem foi conduzido ao (DP) Departamento de Polícia de Itaquaquecetuba, onde permaneceu preso e à disposição da Justiça.

Já na ação da Vila Amélia, também na sexta-feira (20/01), um indivíduo também foi preso por tráfico de entorpecentes. Com ele, foram encontrados 91 invólucros de maconha, 153 invólucros de cocaína, 83 invólucros de crack, e a quantia de R$160 em espécie.

Sobre a recuperação dos veículos, a guarda conseguiu reaver dois veículos furtados, o primeiro no bairro Jardim América, na sexta-feira (20/01), e o segundo, no sábado (22/01), no Jardim Itamaraty.

De acordo com Ferreira, na ação deste sábado, a equipe estava se deslocando a uma averiguação, quando dois indivíduos ao notarem a viatura pelo local realizaram uma tentativa de fuga, porém, sem sucesso. Um dos homens ao ser indagado sobre a motocicleta, disse que não possuía documentação do veículo e que havia adquirido a mesma de leilão.

“Ao realizarmos uma consulta do chassi, verificamos que se que tratava de um objeto roubado. O condutor foi conduzindo ao (DP) de Itaquaquecetuba, permanecendo à disposição da autoridade de plantão”, finalizou.

Por fima GCM de Poá através de uma denúncia neste último domingo (22/01), notificou um estabelecimento, no bairro Jardim Obelisco, pelo descumprimento do artigo 3º, inciso IV, de Perturbação do Sossego. De acordo com aferição dos agentes, no momento da intimação o comércio apresentava uma máxima de 92 decibéis (Db) e 75 (Db) de mínima.

Segundo o artigo 42 da Lei n. 3.688/1941 (Lei das Contravenções Penais), perturbar alguém, o trabalho ou o sossego alheio, com gritaria ou algazarra, exercendo profissão incômoda ou ruidosa, em desacordo com as prescrições legais, abusando de instrumentos sonoros ou sinais acústicos e provocando ou não procurando impedir barulho produzido por animal de que tem a guarda, estará sujeito a uma multa ou até mesmo a prisão.

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) estabelece que em zonas residenciais, a emissão de ruídos não deve ultrapassar os 55 (Db) no período diurno, das 7 às 20 horas, e 50 (Db)  no período noturno, das 20 às 7 horas.

FOTOS: Divulgação/ GCM Poá

Deixe uma resposta