Se a dieta ou a ingestão adequada de líquidos ao longo do dia não se reflete no seu abdômen e ainda tem alguma gordura localizada que precisa de combater, não desanime. Há solução. Ainda assim, não deixa de apresentar riscos.

O famoso ‘pneuzinho’ é algo que afeta muitas mulheres, mas “em demasia pode ser um sinal de alerta de comprometimento com a sua saúde” e um indício que pode estar acumulando gordura em órgãos vitais e aumentando a probabilidade de ter problemas graves de saúde”, alerta a BodyConcept em comunicado. A hipertensão, enfarte do miocárdio, acidente vascular cerebral ou diabetes tipo 2 são alguns exemplos.

“A genética, sedentarismo ou maus hábitos alimentares contribuem para o aumento de gordura na barriga e retiram as formas naturais do corpo”, acrescenta.

Deixe uma resposta