Suzano adere ao serviço ‘República Jovem’

0
57

Iniciativa é fruto de uma parceria entre o Condemat e o governo do Estado; unidade está localizada no município de Arujá 

A Prefeitura de Suzano, por meio da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, aderiu ao serviço “República Jovem”, uma iniciativa do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) em parceria com o governo do Estado. A unidade está localizada na cidade de Arujá e visa promover o acolhimento de jovens do gênero masculino, de 18 a 21 anos, que deixaram os serviços de acolhimento ao completarem a maioridade. O anúncio do novo trabalho foi divulgado nesta quarta-feira (07/02) pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi e pelo secretário estadual de Desenvolvimento Social, Gilberto Nascimento, durante reunião do grupo regional. 

Com a presença do secretário municipal de Assistência Social, Geraldo Garippo, e da diretora de Proteção de Média e Alta Complexidade, Regiane Marques, as autoridades vistoriaram o local em que vai abrigar, neste primeiro momento, seis jovens. O investimento, segundo o Condemat, foi de R$ 52,1 mil para implantação, com custeio anual de R$ 624,4 mil, sendo cerca de 50% do valor custeado pelo Estado e o restante dividido entre os seis municípios que aderiram ao serviço, sendo eles: Suzano, Arujá, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Poá e Santa Isabel. 

O equipamento foi implantado no final de 2023, na cidade de Arujá, e ele serve, segundo Garippo, como um apoio aos jovens que viveram em serviços de acolhimento até atingirem a maioridade, porém, não possuem uma rede de apoio. “Ao completar 18 anos, o jovem deixa o espaço em que viveu parte da sua vida. E, neste caso, aderimos à ‘República Jovem’ justamente para proporcionarmos mais um suporte para construção de sua autonomia”, informou o secretário municipal. 

Em sua fala, o prefeito Rodrigo Ashiuchi lembrou que Suzano conta atualmente com três Serviços de Acolhimento Institucional de Crianças e Adolescentes, os Saicas, com 50 vagas disponíveis. “Esse trabalho vem para somar esse serviço já existente e para garantir mais três anos de acolhimento a esse jovem, que está em busca de sua independência. Agradeço todo o apoio do Estado e enalteço a união do Condemat para a promoção desse importante serviço”, concluiu. 

Também estiveram na agenda o presidente do Condemat e prefeito de Salesópolis, Vanderlon Gomes; o secretário-executivo do Consórcio, Adriano Leite; os prefeitos Luís Camargo (Arujá), Priscila Gambale (Ferraz de Vasconcelos) e Carlos Alberto Taino Junior (Biritiba Mirim), bem como representantes das demais cidades da região do Alto Tietê; a diretora do Programa Bom Prato, Daniela Marim; e a coordenadora de Políticas sobre Drogas do Estado, Eliana Borges.



Crédito das fotos: Mauricio Sordilli/Secop Suzano

Obrigado por comentar. Você é demaisS2