Prefeitura cria “Comitê de crise” para combater avanço da dengue no município

0
A Prefeitura de Ubatuba uniu diversas secretarias municipais para intensificar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, Chikungunya, Zika e febre amarela. Um “Comitê de crise” foi criado para traçar estratégias para melhorar os atendimentos aos pacientes e também para eliminar os criadouros do mosquito na cidade.

Entre as medidas urgentes está a montagem de um Centro de Atendimento à Dengue que entrará em funcionamento nos próximos dias na Unidade Básica de Saúde (UBS) Cícero Gomes, localizada na rua Professor Thomaz Galhardo, centro.

Outra estratégia anunciada foi a designação de um médico disponível apenas para atendimentos de dengue na Santa Casa de Misericórdia da cidade. De acordo com a secretária adjunta de Saúde, Simone Brito, as medidas buscam agilizar os atendimentos dos pacientes e desafogar o número de pessoas atendidas no hospital.

“Estamos trabalhando com agilidade para colocar tudo em funcionamento o mais rápido possível. Lembramos que os pacientes com suspeita de dengue devem sempre procurar por atendimento médico para diagnóstico correto e evitar complicações da doença”, disse Simone, enfatizando ainda que o comitê de crise é uma estratégia contida no Plano de Contingência da Dengue.

Endemias

O setor de Endemias segue realizando diversos mutirões e serviços de nebulização e aplicação de inseticida para eliminar os criadouros do mosquito.

Na próxima semana, a força-tarefa ganhará reforço com caminhão cata-treco para recolher materiais que possam acumular água e de drones para sobrevoar imóveis fechados e que possam ter larvas do mosquito.

Na próxima segunda-feira (15), um cronograma completo de mutirões será divulgado para que a população possa acompanhar e colaborar com as ações para eliminar o mosquito Aedes aegypti.

source
Com informações da Prefeitura de Ubatuba

Anúncios

Deixe uma resposta