19 de maio de 2024 – 08:21
#auditoria interna #CGE #Reunião #SPS


Ascom CGE – Texto

Ascom SPS – Foto



O objetivo do trabalho é otimizar a execução do processo de oferta de serviços regionalizados de proteção social especial de alta complexidade

A Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado do Ceará iniciará mais uma auditoria interna governamental nas setoriais do Poder Executivo Estadual. Desta vez, a Secretaria de Proteção Social foi selecionada para a ação, com foco na otimização do processo de oferta de serviços regionalizados de proteção social especial de alta complexidade. 

O processo a ser trabalhado pela equipe da Coordenadoria de Auditoria Interna da CGE foi validado durante uma reunião técnica na tarde da última quinta-feira (16), com a presença do secretário de Estado Chefe da CGE, Aloísio Carvalho, e da secretária de Proteção Social, Onélia Santana.

Também participaram do encontro, representando a CGE, o secretário Executivo, Marconi Lemos, a coordenadora de Auditoria Interna, Ana Luiza Cruz, e os auditores de controle interno responsáveis pela atividade no órgão, José Ananias Vasconcelos, Kelly Barbosa e Rafael Porcino. Representando a SPS, estiveram presentes o secretário Executivo, Paulo Guedes, o secretário Executivo de Planejamento e Gestão Interna, Sandro Carvalho, a secretária de Políticas sobre Drogas, Lidiane Rebouças, e o secretário Executivo da Infância, Família e Combate à Fome, Caio Cavalcanti.

Auditoria Interna

O processo selecionado para auditoria foi o de oferta de serviços regionalizados de proteção social especial de alta complexidade. Este processo foca no atendimento às famílias e indivíduos com vínculos familiares fragilizados ou rompidos, que se encontram em situação de abandono, ameaça ou violação de direitos e necessitam de acolhimento fora de seu núcleo de origem. O objetivo do serviço é garantir proteção integral à população cearense, proporcionando acesso a moradia, alimentação, higienização, educação e trabalho.

A metodologia utilizada para a seleção do objeto a ser trabalhado foi bastante assertiva, uma vez que o processo selecionado é estratégico para o poder executivo cearense. O trabalho que está sendo realizado tem como propósito contribuir com a SPS no aprimoramento do processo selecionado, resultando na melhoria dos serviços e produtos entregues à sociedade, destaca a coordenadora de Auditoria Interna da CGE, Ana Luiza Cruz.

A Auditoria Interna Governamental é uma atividade independente e objetiva que presta serviços de avaliação e consultoria com o propósito de agregar valor e aprimorar a atuação dos órgãos e entidades do Poder Executivo. Ela auxilia esses órgãos no alcance de seus objetivos ao melhorar os processos de governança, gerenciamento de riscos e controles internos.





source
Com informações do Governo do Estado do Ceará

Anúncios

Deixe uma resposta