O Hospital Distrital de Taperoá, unidade integrante do Governo do Estado, registrou, nesse domingo (19), as primeiras cirurgias ortopédicas da unidade. Os procedimentos foram executados através do Opera Paraíba, programa que agiliza o acesso às cirurgias eletivas em todas as regiões do estado.

Foram sete pacientes contemplados no primeiro dia com intervenções de joelho, ombro e punho. O frentista José Nilton, de 42 anos, mora em Taperoá e conta que rompeu os ligamentos do joelho há três anos, em um acidente de moto. Ele não fez a cirurgia antes por falta de oportunidade.

“Esse problema começou com um acidente de moto há três anos, e como eu sou frentista, fico muito em pé, então sempre sinto dor. Só não já fiz a cirurgia porque eu não tinha como pagar, mas agora com esse programa, chegou a minha vez. Quando ficar bom, quero voltar a jogar bola”, planejou.

O médico Andrey Ramalho explica que todas as cirurgias foram feitas com o uso de tecnologia minimamente invasiva. “A gente inicia hoje aqui no interior as cirurgias ortopédicas, dando aos pacientes a mesma qualidade dada nas grandes cidades. Foram cirurgias realizadas por vídeoartroscopia, materiais modernos, cirurgia segura e alta tecnologia, para que o paciente seja acompanhado aqui mesmo na região”, enfatizou.

De acordo com o diretor-geral do hospital, Levi Firmino, a unidade passa a oferecer mensalmente os procedimentos ortopédicos. “Hoje é um marco histórico para nossa unidade. Poder realizar cirurgias de alta complexidade, com o uso de equipamentos modernos através do Opera Paraíba no Hospital Distrital de Taperoá é um grande avanço. A regionalização dos serviços de saúde tem dado aos paraibanos um ganho muito grande na assistência ao paciente. E agora a especialidade fica de forma fixa aqui, com procedimentos realizados todos os meses”, destacou.

Desde quando foi implantado, em 2019, o Opera Paraíba já contemplou mais de 100 mil paraibanos com cirurgias eletivas nas três Macrorregiões de saúde. Para participar do programa, o usuário do Sistema Único de Saúde (SUS) deve procurar a secretaria municipal de saúde do seu município, ou fazer o cadastro pelo site operaparaiba.pb.gov.br, preencher o formulário, anexando exames e laudo ou encaminhamento médico que confirme a necessidade de uma cirurgia.

source
Com informações do Governo do Estado de Paraíba

Anúncios

Deixe uma resposta