A cantora precisou realizar uma colecistectomia, ou seja, a retirada da vesícula biliar. “Muita gente fala, resolvi mostrar: eu operei a vesícula tem três anos. As pessoas falam para mostrar. Eu tenho cicatriz aqui, aqui em cima e algo aqui na lateral que às vezes eu vejo, mas ficou meio imperceptível”, explicou.

Kelly Key também mostrou fotos e vídeos do pós-operatório e garantiu que não teve mais problemas digestivos desde que realizou o procedimento.

Tô bem, tô ótima, vida seguiu. Não senti nenhuma mudança (negativa), nada. Normal, minha vida segue pleníssima”, destacou.

Anúncios

Deixe uma resposta