A secretária de Educação do Distrito Federal, Hélvia Paranaguá, visitou, na manhã desta quarta-feira (22), o local das futuras instalações de novas escolas em Águas Claras que estão com projetos em execução. A iniciativa, parte do plano de expansão educacional do governo Ibaneis Rocha, visa atender à crescente demanda da região. As peças técnicas para instrução do processo licitatório estão sendo elaboradas, com a licitação prevista para ser lançada ainda este ano.

“Até a gestão do governador Ibaneis Rocha não existia no plano de obras da Secretaria de Educação nenhuma escola prevista para Águas Claras. Foi então que o administrador e o deputado distrital Pastor Daniel de Castro nos procuraram, levando a demanda ao secretário Zé Humberto, que, por sua vez, a encaminhou ao governador. Encontramos terrenos para construir duas escolas para os moradores dessa região, que cresceu tanto”

Hélvia Paranaguá, secretária de Educação

Os projetos em execução incluem a construção de uma Escola Classe e de um Centro de Ensino Fundamental (CEF) situados, respectivamente, na Quadra 101 e na Quadra 102.

“Até a gestão do governador Ibaneis Rocha não existia no plano de obras da Secretaria de Educação nenhuma escola prevista para Águas Claras. Foi então que o administrador e o deputado distrital Pastor Daniel de Castro nos procuraram, levando a demanda ao secretário Zé Humberto, que, por sua vez, a encaminhou ao governador. Encontramos terrenos para construir duas escolas para os moradores dessa região, que cresceu tanto”, explicou a secretária Hélvia Paranaguá.

A Escola Classe atenderá tanto o ensino fundamental (anos iniciais) quanto a educação infantil, com um total de 20 salas de aula. A edificação, de três pavimentos e com uma área total construída de 5.098,44 m², contará com refeitório, sala de leitura, quadra coberta com vestiários, área com parquinho, duchas externas, guarita e estacionamento.

A secretária de Educação do DF, Hélvia Paranaguá, visitou o local das futuras instalações das escolas em Águas Claras | Foto: Divulgação/SEEDF

O Centro de Ensino Fundamental terá 18 salas de aula, laboratórios, biblioteca, auditório e refeitório. A edificação, de dois pavimentos e com uma área total construída de 3.914,09 m², também incluirá quadra coberta com vestiários, área com parquinho, guarita e estacionamento. Para ambos os projetos, estão previstas escadas e rampas, garantindo a acessibilidade dos locais.

Crescimento

A construção das novas escolas é uma resposta direta ao rápido crescimento populacional de Águas Claras. Além disso, o objetivo é desafogar as escolas do Guará e Taguatinga, beneficiando toda a população. Com a finalização das obras, a expectativa é que as escolas estejam prontas para receber os alunos no próximo ano letivo.

“Estamos criando novos espaços educacionais. É motivo de alegria e comemoração”, destacou Hélvia. Para o administrador regional de Águas Claras, Mário Furtado, este “é um dia histórico para a cidade de Águas Claras.”

“Agradeço ao governador Ibaneis Rocha, ao secretário de Governo, José Humberto, à secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, e ao deputado distrital Pastor Daniel de Castro, representando a Câmara Legislativa do DF, por tornar realidade essa antiga demanda dos moradores”, agradeceu Mário Furtado.

O coordenador regional de Taguatinga, Murilo Marconi, acredita que este é um passo mais importante para atender a comunidade de Águas Claras dentro da própria região. “Trabalhamos em regime colaborativo com vários órgãos do governo e quem ganha com isso é toda a comunidade daqui da cidade”, conclui.

*Com informações da SEEDF

source
Com informações da Agência Brasilia

Anúncios

Deixe uma resposta