O governo de São Paulo autorizou a contratação de 200 alunos-oficiais da Polícia Militar. A medida foi publicada na edição desta segunda-feira (10) do Diário Oficial do Estado (DOE). Os interessados podem fazer as inscrições a partir da próxima quarta-feira (12), até o dia 11 de julho, no site da Vunesp, organizadora do concurso.

Após a abertura do edital e inscrição do aluno, as próximas etapas serão a seleção dos candidatos, nomeação e posse. Com essas fases concluídas, os aprovados iniciam o curso de formação na Academia de Polícia Militar do Barro Branco, na zona norte de São Paulo. 

A remuneração básica inicial para o cargo de aluno-oficial é de R$ 4,8 mil. O interessado deve ter completado o ensino médio, ter entre 17 e 30 anos e ser brasileiro. As mulheres precisam ter altura mínima de 1,55m e os homens, de 1,60m

Ao ser aprovado no concurso, o candidato vai iniciar a graduação de bacharelado em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública, e será avaliado por meio de provas físicas e teóricas.

Esse é mais um passo para a redução do déficit do efetivo da Polícia Militar que, atualmente, é de 13,6%. Em março deste ano, o governo havia autorizado a contratação de 2,7 mil soldados de 2ª classe da Polícia Militar.

Anúncios

Deixe uma resposta