3 de julho de 2024

Formação da Escola Diadema de Administração Pública tem por objetivo oferecer técnicas para que os participantes tenham um orçamento doméstico e pessoal equilibrado

Fotos – Mauro Pedroso

Manter um orçamento doméstico com gastos que não superem as despesas e, se possível, sobrar um dinheiro no fim do mês, é o desejo de todos. Para que isso se torne uma realidade no dia a dia, a Edap (Escola Diadema de Administração Pública) realizou o Curso Educação Financeira, que foi ministrado para 20 servidores. Os participantes aprenderam, de forma prática e descontraída, técnicas e dicas de como obter o equilíbrio financeiro nas despesas pessoais e domésticas.

“O curso cumpre um dos objetivos da Escola, que é oferecer qualidade de vida e desenvolvimento pessoal e profissional ao servidor público municipal”, afirma o coordenador da Edap, João Vaz.

A formação foi ministrada por Fernando Lima, servidor municipal em Diadema desde 2016, com formação profissional de Educador Social pelo Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) e pela Fundação Florestan Fernandes. É graduando de Enfermagem e Pedagogia e já trabalhou em escolas de ensino fundamental e médio na cidade de São Caetano do Sul, dando suporte pedagógico a professores e alunos. Ele é colaborador voluntário da Edap desde março de 2024.

Proposta interessante

Uma das participantes do curso foi Hildenia Pereira da Silva, que trabalha no gabinete da Secretaria de Planejamento e Gestão Pública. “O curso foi muito interessante. Gostei da parte que falou sobre investimentos e interesses pessoais”, afirmou.

Hildenia Pereira da Silva

Hildenia diz que se sentiu animada com o aprendizado para começar a se planejar para ter um carro. “As dicas sobre fundo de emergência e investimentos foram importantes para mim”, conclui.

Para Marco Antonio de Vasconcellos, que atua na Secretaria de Administração e Gestão de Pessoas, o curso superou as expectativas. “Sempre ouvi e li muito sobre o tema. A proposta do curso foi bem interessante”, disse. Marco Antonio ressalta que não tem grandes problemas com dívidas, mas que se sentia desconfortável por não ter um fundo de emergência e esse foi o principal motivo para participar do curso. 

Marco Antonio de Vasconcellos

Sobre o curso

O curso foi dividido em duas partes. Na primeira foram apresentados os conceitos de Psicologia Financeira, como Modelos de Utilização do Dinheiro, Emoções no Comportamento Financeiro, Gratidão pelo que possui, Cuidado em Relação aos Gastos, Caro ou Barato: como definir?, Liberdade Financeira: o que é ser rico?,  Conceito de Sucesso e Importância da Educação Financeira.

A segunda parte da formação apresentou dicas para a prática de um orçamento doméstico bem controlado. Foram apresentados temas como: Por que fazer um Orçamento Doméstico?, Qual o Seu Custo de Vida hoje?, Planejamento de Compras e Gastos, Tipos de Empréstimos, Cartão de Crédito, Empréstimos, Cheque Especial, Fontes Alternativas de Renda, Fundo de Emergência, Investimentos de Renda Fixa, além de sugestões de livros, filmes, palestras e canais do Youtube.

Edap

A Edap é a escola de governo e administração pública da Prefeitura de Diadema, atualmente ligada à Secretaria de Administração e Gestão de Pessoas (Sagep). Ela foi criada pela Lei Complementar 185, de 8/10/2003, sendo um espaço de formação, capacitação e desenvolvimento dos servidores municipais de Diadema.

A instituição tem por finalidade oferecer ao servidor público municipal os instrumentos necessários ao seu aperfeiçoamento e constante capacitação técnica; incentivar e propiciar, de forma permanente, o desenvolvimento pessoal e profissional do servidor público municipal; e promover a reflexão e avaliação constantes das práticas cidadãs. No site https://edap.diadema.sp.gov.br/ é possível consultar os cursos disponíveis.

Heitor N. Bisi

Fotos – Mauro Pedroso

source
Com informações da Prefeitura de Diadema

Anúncios

Deixe uma resposta