5 de julho de 2024 – 14:27
#cultura #Dragão #programação


Ascom Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura – Texto e Fotos



A FORCA DA AGUA FOTO SERGIO LIMA2

O período de férias chegou e, como é de se esperar, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura traz uma programação especial, repleta de atrações em múltiplas linguagens para todos os gostos. Entre o variado leque de opções, novas temporadas no Teatro Dragão do Mar, todos os finais de semana do mês. De sexta a domingo, o ciclo programático “Férias no Dragão” traz três espetáculos no Teatro Dragão do Mar. Com opções para diferentes faixas etárias e com preços acessíveis, os espetáculos estão com ingressos à venda na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h) e na página do Dragão na Sympla Bileto.

“Além de disporem de ingressos com valores convidativos, os espetáculos nos convidam a refletir sobre temáticas importantes e atuais, estimulando o pensamento crítico. Com eles e por eles, celebramos a potência das produções cênicas cearenses, trazendo três grupos locais para ocupar o Teatro Dragão do Mar”, afirma a gerente de Ação Cultural do Dragão do Mar, Fernanda Matias.

Às sextas, 19h, o coletivo No Barraco da Constância Tem! apresenta a peça “Rara”. Aos sábados e domingos de julho, às 20h, o Pavilhão da Magnólia encena “A Força da Água”. Já aos domingos, às 16h, o grupo Alumiar Cenas & Cirandas sobe ao palco com “Oz”, uma releitura do clássico infantil “O Mágico de Oz”.

Sobre os espetáculos

Rara

Atlas tropeça e deixa o universo desabar, revelando um vazio-pleno. Esse espaço é um campo de expansão, e tudo vibra nas suas ondulações. Nesta batelada de movimentos ternários, os extremos se encontram no infinito e recriam o não-conhecido ou o sistema das semelhanças. Uma bandeira, um livro, um compasso, um ovo, umas frutas, um cálice, um osso, um cacto, uma caravela, um esquadro, uma poeira e um disco voador. Agir pela não-ação. Perder o lugar da fronteira. Balbuciar a linguagem. Descobrir os barulhos cósmicos. Reagrupar uma sinfonia ao ouvido<span></span> – Texto astuto. Diminuir a distância dos anos-luz.

A Força da Água

Até quando aceitaremos o discurso da seca como fatalidade? Até quando aceitaremos essa cerca do silenciamento? “A Força da Água”, nova peça do Pavilhão da Magnólia, com dramaturgia e direção de Henrique Fontes, traça o caminho historiográfico da seca no Ceará. Desde as promessas feitas por Dom Pedro, passando pelo genocídio nos campos de concentração e no caldeirão, até o tempo presente, quando descobrimos que a água não é um direito constitucional. A peça de teatro documental, de forma bem-humorada, trata de fatos apagados da história do Brasil em torno da indústria da seca. Os relatos e documentos denunciam aquilo que nos impede de ter acesso à água potável e de qualidade. Até quando aceitaremos? Quando deixaremos nossas águas transbordarem?

OZ Alumir Cenas Cirandas foto Musquito Cipriano

Oz

No jogo do possível, Dorothy cria um mundo onde os desejos se tornam realizáveis: “OZ”. Imagine um sonho tão poderoso que, ao ser compartilhado, ganha cores vibrantes e formas encantadoras, moldadas pela imaginação de cada participante. “OZ” é esse sonho vivo em que os caminhos se desenrolam diante de nós como tijolos dourados, convidando-nos a uma jornada mágica e transformadora. O diferencial desta adaptação é a sensível abordagem ao bullying, um tema que, embora pareça contemporâneo, está presente nas entrelinhas da obra original. Você já esteve em “OZ”?

Programação

Sextas-feiras (dias 5, 12, 19 e 26)
19h – “Rara”, do grupo No barraco da Constância Tem!
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 10,00 a meia e R$ 20,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (https://bileto.sympla.com.br/event/95253), além da bilheteria física no Dragão.
Duração: 60 min. Livre.

Sábados e domingos (dias 6, 7, 13, 14, 20, 21, 27 e 28)
20h – “A Força da Água”, do grupo Pavilhão da Magnólia
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 15,00 a meia e R$ 30,00 a inteira, à venda na bilheteria física do Dragão ou na bilheteria virtual (bileto.sympla.com.br/event/95202).
Duração: 70 min. Classificação: 14 anos.

Domingos (7, 14, 21, 28)
16h – “Oz”, do Grupo Alumiar Cenas e Cirandas
No Teatro Dragão do Mar
Ingressos R$ 20,00 a meia e R$ 40,00 a inteira, à venda no Sympla Bileto (bileto.sympla.com.br/event/95540), além da bilheteria física no Dragão.
Duração: 90 min. Classificação: livre.

Sobre o Dragão do Mar

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (CDMAC) é um centro cultural da Rede Pública de Equipamentos da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará), gerido pelo Instituto Dragão do Mar (IDM).

Serviço: Férias no Dragão – Temporadas no Teatro Dragão do Mar em julho

“Rara”, do coletivo No Barraco da Constância Tem!, “A Força da Água”, do Pavilhão da Magnólia, e “Oz”, com o grupo Alumiar Cenas & Cirandas
Datas: Finais de semana de julho
Horários diversos
Local: Teatro Dragão do Mar (Rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema)
Ingressos à venda na bilheteria física do Dragão (de terça a domingo, das 14h às 20h) e na página do Dragão na Sympla Bileto (https://site.bileto.sympla.com.br/dragaodomar).





source
Com informações do Governo do Estado do Ceará

Anúncios

Deixe uma resposta