O Hospital de Clínicas de Campina Grande, unidade integrante da rede hospitalar do Governo da Paraíba, completa, neste mês de julho, quatro anos de funcionamento. Nesse período, já foram realizados 29.350 procedimentos cirúrgicos, por meio do programa Opera Paraíba.

Só em 2024 a unidade já realizou 7.381 cirurgias eletivas em mais de 10 especialidades médicas, como cirurgia geral, ginecológica, ortopédica, urológica, oftalmológica, otorrino, proctologia, mastologia, pediátrica e neurologia. De janeiro até junho, o hospital registrou 29.631 atendimentos ambulatoriais, as cirurgias de pterígio passaram a ser fixas, foram iniciadas as cirurgias de prótese de quadril e registradas 158 cirurgias bariátricas.

O representante comercial Ângelo Araújo foi um dos pacientes do hospital no tempo da covid-19. Ele lembra dos dias difíceis e do cuidado que recebeu dos profissionais da unidade. “Aqui eu vivi os piores e os melhores momentos da minha vida: foram 18 dias entubado, mas sempre muito bem cuidado, profissionais trabalhando com humanização”, destacou.

O motorista por aplicativo Felipe Rodrigues, de 36 anos, também passou pelo Hospital de Clínicas, no último mês de janeiro, para cirurgia bariátrica. Ele destaca a mudança de vida a partir do procedimento. “O Hospital de Clínicas foi essencial para minha saúde, foi aqui que eu consegui fazer a cirurgia bariátrica pelo Opera Paraíba, que é a salvação para muita gente, pois se fosse pra pagar, eu mesmo não teria condições. Ainda estou em processo de evolução, mas já tenho outra vida,” diz.

Com 113 leitos, o HC – como passou a ser chamado – começou a funcionar em julho de 2020 com o objetivo de dar suporte de atendimento para os casos graves de covid-19 no interior do estado. Em outubro de 2021, com o início da vacinação e consequente redução da ocupação dos leitos covid, a unidade passou a executar cirurgias eletivas, puxando a retomada do Opera Paraíba no estado.

Em 2021, o hospital realizou 2.422 cirurgias, em 2022 foram 8.479 intervenções, e em 2023, o total de cirurgias foi de 10.844 procedimentos. Nesse período, o HC ampliou as especialidades ofertadas, passando a contar com cirurgias de endometriose, cabeça e pescoço, urologia, vascular, bariátricas, ortopédicas, mamoplastia redutora não estética, pterígio, procedimentos de CPRE e colonoscopia, histeroscopia diagnóstica e cirúrgica, e mais recentemente, o início das cirurgias de implantação de prótese de quadril.

O diretor-geral do Hospital de Clínicas, Thyago Morais, destaca a importância da unidade para Campina Grande e todo o interior do estado. “Sem dúvidas, a chegada do Hospital de Clínicas no nosso estado representa um marco na saúde da Paraíba. Primeiro salvando vidas durante a pandemia de covid-19, depois transformando as histórias de tantos pacientes que já passaram por aqui realizando cirurgias. E aqui, um destaque especial para os nossos profissionais, que são a mola propulsora desse hospital,” enfatiza.

O Hospital de Clínicas realiza, em média, 500 cirurgias por dia, sendo uma das grandes referências do programa Opera Paraíba em todo o estado.

source
Com informações do Governo do Estado de Paraíba

Anúncios

Deixe uma resposta