Equipada com quadras de basquete 3×3 e para futebol society, espaço passa a integrar complexo esportivo do bairro

A Praça Esportiva do Jardim Caçula – Wilson Silvestre de Almeida, também conhecida como Areninha do Jardim Caçula, foi inaugurada neste sábado (29) pela Prefeitura de Ribeirão Pires.

O novo endereço esportivo da cidade, situado na Estrada do Caçula, conta quadra de futebol society e de basquete 3×3, equipadas com iluminação de LED e arquibancada. O evento de inauguração teve a presença de autoridades municipais, como o prefeito Guto Volpi, bem como moradores do bairro e a família do homenageado que dá nome ao equipamento esportivo.

“Quem viu o Caçula antes viu, quem vê de agora pra frente é outra coisa. O que vocês estão testemunhando aqui hoje está acontecendo na cidade inteira, em todos os bairros, uma transformação. Mais que isso, esse espaço será um celeiro de talentos”, disse o prefeito Guto Volpi. Além disso, na ocasião, o prefeito aproveitou para anunciar um futuro Mirante no Jardim Caçula.

Durante inauguração, crianças e jovens já usufruíram do espaço com Jogos Amistosos. Para Lucas Alexandre Pereira dos Santos, 12 anos, que mora há poucos metros da Praça de Esportes do Jardim Caçula, o novo espaço abre a possibilidade da realização de um sonho: treinar para se tornar um jogador profissional. “Jogo há 3 anos, mas não tinha onde treinar. Agora, numa quadra linda e com outras crianças”, comentou. A mãe, Milene Pereira dos Santos, comemorou ao ver a alegria do filho. “Ele ‘respira’ basquete. O cabelo é inspirado nos jogadores, quando precisa de roupa, tem que ser de basquete. É a paixão dele”.

Homenagem – Nascido em 21 de novembro de 1971, em Quinto do Sol (PR), Wilson Silvestre de Almeida mudou-se para Ribeirão Pires na década de 1980, escolhendo o Jardim Caçula para construir sua família. Casado com Marta Aparecida de Matos Almeida e pai de três filhos – Anne Caroline Silvestre de Almeida, Wyllian Fernando Silvestre de Almeida, Camilla Silvestre de Almeida -, era apaixonado pelo futebol de várzea, sempre presente à beira dos campos, acompanhando o time de coração. Faleceu no dia 7 de janeiro de 2013.

source
Com informações da Prefeitura de Ribeirão Pires

Anúncios

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta