Baleia jubarte de duas toneladas é encontrada encalhada em praia de Ilha Comprida

0
228
Baleia jubarte juvenil foi encontrada morta em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/Ipec

Um macho juvenil de baleia jubarte (Megaptera novaeangliae) foi encontrado encalhado e morto na faixa de areia de Ilha Comprida, no litoral de São Paulo. Pesquisadores informaram nesta segunda-feira (22) que o animal, de sete metros de comprimento, pesava duas toneladas e tinha cicatrizes e marcas externas.

A localização da baleia ocorreu durante o monitoramento costeiro realizado na região do Castelinho, na área central da cidade, no domingo (21). Segundo o Instituto de Pesquisas de Cananéia (Ipec), não havia sinais de que o animal tenha sido ferido ao colidir com embarcações, mas havia marcas pelo corpo.

Pesquisadores colheram amostras para identificar causa da morte da baleia em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/IpecPesquisadores colheram amostras para identificar causa da morte da baleia em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/Ipec

Pesquisadores colheram amostras para identificar causa da morte da baleia em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/Ipec

“Essas marcas podem sugerir que o animal teve alguma interação com cabos ou cordas [no mar]. No entanto, amostras foram coletadas e enviadas para análises laboratoriais para que seja possível definir a causa da morte desse animal”, esclareceu a veterinária patologista do IPeC, Priscilla Costa, que acompanhou os exames.

Não há prazo para que o resultado seja divulgado. O Ipec integra um projeto de monitoramento costeiro que visa avaliar eventuais impactos decorrente das atividades de exploração do pré-sal da Bacia de Santos, cujo licenciamento é conduzido pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Baleia jubarte foi encontrada encalhada em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/IpecBaleia jubarte foi encontrada encalhada em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/Ipec

Baleia jubarte foi encontrada encalhada em Ilha Comprida, SP — Foto: Divulgação/Ipec

Deixe uma resposta