Luca Bueno revelou como foi que escolheu estudar cinema e atuar em uma profissão totalmente diferente do pai, Galvão Bueno

Luca Bueno, filho de Galvão Bueno, atualmente mora no exterior e é apaixonado por uma carreira que não tem nada a ver com o que o pai faz em frente às câmeras. O herdeiro estudou cinema e contou com a ajuda de um amigo para entender o que realmente queria como profissão.

Em entrevista ao “Pipocando Cast”, o rapaz, de 21 anos, contou que sabia que queria trabalhar como cineasta quando tinha 6 anos de idade, após assistir ao filme Jurassic Park. “A minha história é meio diferente”, avaliou o jovem, que teve a oportunidade de morar no exterior.

Luca Bueno revelou que quando morava em Mônaco, na França, tinha um amigo que o ensinou a juntou algumas gravações para poder contar uma história. Com 7 anos de idade, os dois tinham o diretor Quentin Tarantino como o preferido de todos, o que é meio inusitado para crianças já que seus filmes são sempre muito violentos.

APAIXONADO PELA ARTE

O filho de Galvão Bueno entregou que foi a partir dessas experiências na infância que ele sentiu que a profissão era sua vocação. “E nisso eu me apaixonei pelo cinema, eu me apaixonei pela arte. Toda vez que eu saio do cinema eu me sinto diferente, é uma das melhores sensações que eu consigo ter na vida”, declarou.

ORGULHO DO PAI

Luca Bueno já fez um primeiro trabalho como diretor de um curta-metragem nos Estados Unidos, o que gerou um baita orgulho no pai coruja. “Primeiro filme que ele dirige com profissionais da indústria do cinema dos EUA devidamente contratados! Diretor de fotografia, produtoras, atrizes, atores, etc… Muito orgulho do filhão!”, escreveu o veterano no Instagram.

Deixe uma resposta