Plano de carreira da GCM de Itaquaquecetuba é aprovado em primeira votação

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Itaquaquecetuba está a um passo de ter seu plano de carreira. Ontem (05/11), durante a 35ª sessão ordinária do ano, os vereadores aprovaram o projeto de lei que estabelece normas e escalas de vencimentos, entre outras regras, para a categoria. Ao final da reunião no plenário, guardas que assistiam à sessão aplaudiram de pé o apoio dos parlamentares. Apenas para cumprir o rito legislativo, na semana que vem o assunto entra novamente na pauta para ser votado pela segunda vez.
Com a presença da secretária municipal de Segurança, Vânia Penezi, e da procurado do município, Rosa Pastri, o assunto da sessão foi a GCM. Quatro vereadores pediram para usar a tribuna e falar sobre o assunto. Elio de Araújo (Avante) parabenizou os guardas e alertou que é preciso incluir o estudo do impacto financeiro da previdência ao projeto; Armando Neto (Patriota) lembrou que as primeiras conversas sobre o assunto tiveram início quando seu pai (Armando da Farmácia) ainda era prefeito; Cesar Diniz (Avante) ressaltou a importância de valorizar o profissional da segurança; e Rolgaciano (Podemos) elogiou o trabalho da GCM em Itaquá, que é uma das primeiras da região a conquistar um plano de carreira. Outros vereadores também pediram a palavra para elogiar o plano, como Celso Reis (PSDB), Roberto Letrista (PSDB) e Adriana do Hospital (PSDB).
O presidente da Câmara, vereador Edson Rodrigues (Podemos), o Edson da Paiol, explicou que por se tratar de projeto de lei complementar é preciso fazer duas votações. “Infelizmente não podemos votar duas vezes hoje. Mas semana que vem zeramos o projeto e daí é só o prefeito sancionar. Acho que é uma lei de grande valia para o nosso município e aos servidores. É mais que merecido”, disse.
O projeto de lei complementar aprovado cria novos cargos e novas escalas de vencimento para a GCM, e ainda estabelece normas para a carreira, aos novos ingressantes, estágio probatório, evolução funcional, gratificações, adicional de risco de vida, sistema de folgas e a progressões funcionais que garantirão melhores salários.

Confira o projeto de lei complementar que cria o Plano de Carreira da GCM em Itaquaquecetuba:
https://consulta.siscam.com.br/camaraitaquaquecetuba/arquivo?Id=39357

Mamoru envia à Câmara plano de carreira da GCM

Deixe uma resposta